logotipo
Central de Relacionamento Interativo

11/05/2018 12:45

Foco da empresa é ampliar as exportações para países interessados na pecuária tropical

A 84ª Expozebu, principal feira pecuária do País, realizada em Uberaba (MG) na última semana, recebeu o maior número de estrangeiros da sua história. Estiveram no Parque Fernando Costa e na Fazenda Experimental da ABCZ, 513 pessoas, de 36 diferentes países.  A GENEX, uma das empresas líderes no segmento de inseminação artificial (IA) no Brasil, recepcionou clientes e convidados do Panamá, Colômbia e Paraguai, interessados na genética brasileira.

Lya Lemos e André Rodini, do departamento de exportações da Genex Brasil, recepcionaram os visitantes. Entre eles esteve presente a responsável pelas compras da cooperativa panamenha de produtores de leite Cooleche, Katherine Alvarez, que veio ao Brasil intermediada pelo projeto comprador da Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), encabeçado pelo Brazilian Cattle. Na ocasião, ela visitou a Expozebu e as centrais de coleta Seleón (Itatinga/SP) e Bela Vista (Botucatu/SP).

O proprietário da empresa Inseminar de Colombia, Luis Gonzales, esteve na feira e aproveitou para visitar a Fazenda Boa Fé (Conquista/MG), do grupo Ma Shou Tao. "O feedback que recebemos do Sr. Luis foi que, embora conheça muitas fazendas de gado de leite no mundo, a Boa Fé foi a melhor e ele seguirá fazendo Girolando com o nosso Gir", ressalta Rodini.

Do Paraguai, estiveram na feira quatro convidados: Horácio Díaz Valdez, responsável pela operação da distribuidora Genética Dibernardi no Paraguai; e os seus convidados Luis Soljancic e Alberto Saljancic, criadores em busca de novidades técnicas no melhoramento genético e a progressão do desenvolvimento tecnológico no setor da pecuária no Paraguai; e Elias Saad Mendoza, engenheiro agrônomo e assessor técnico, que atua como técnico da Associação Paraguaia dos Criadores de Nelore e técnico do Gensys. O grupo visitou as centrais de coleta Seleón e Bela Vista, as Fazendas Mundo Novo (Uberaba/MG) e Rancho da Matinha (Uberaba/MG), além do evento da Asbia (Associação Brasileira de Inseminação Artificial).

"Ficamos felizes em poder receber os nossos convidados e contribuir para que conhecessem melhor a nossa pecuária. O nosso foco hoje é ampliar as exportações na América Latina, que hoje contemplam principalmente Panamá, Paraguai, Colômbia e Costa Rica para outros países interessados na pecuária tropical", explica Rodini. 

Segundo Bruno Scarpa Nilo, gerente de produto Leite da GENEX, esse é um canal de muita valia para o negócio. “Os visitantes estrangeiros ficaram muito impressionados com os touros vistos na central, tanto os de corte quanto os de leite, e nós temos um caminho muito grande a percorrer para ampliar as exportações e levar a genética dos nossos touros de raças brasileiras para o restante do mundo”.

Novas contratações

Durante a Expozebu, o gerente de produto Leite, Bruno Scarpa Nilo, contratou três novos touros para a bateria: Fantoche FIV JMMA, Uno 2B e Gatilho FIV Jabaquara. “Os novos touros estavam entre os seis melhores no resultado do pré-teste, que avalia os melhores quanto a fenótipo, caracterização, libido, fertilidade e condição de congelamento ou não de sêmen. Acreditamos que estes animais serão os grandes touros da raça no futuro, avaliados por um critério muito coeso de seleção, de alta fertilidade, excelente fenótipo, bom temperamento leiteiro”, detalha Scarpa Nilo.

Imagens


Voltar


GENEX GENÉTICA BRASIL LTDA. Copyright © 2020 Todos os direitos reservados.

Rua Dr. Procópio de Toledo Malta, 145. São Carlos, SP. CEP 13563-002. (16) 3362-3888